A CNT entregou, nessa terça-feira (20), em São Paulo (SP), à equipe de campanha da candidata à presidente da República Simone Tebet, a publicação “O Transporte Move o Brasil: Propostas da CNT ao País”. A presidenciável foi representada, na ocasião, pelo ex-governador do Rio Grande do Sul, Germano Rigotto, Coordenador do seu plano de governo. A CNT foi representada pela Diretora Executiva Adjunta, Fernanda Rezende; a Gerente Executiva de Economia, Fernanda Schwantes; e a Assessora Legislativa Andrea Cavalcanti. 

No documento, o Sistema CNT – constituído pela Confederação Nacional do Transporte, pelo SEST SENAT e pelo ITL – apresenta propostas para melhorar as infraestruturas e as operações nas diversas modalidades de transporte, para aprimorar marcos regulatórios e para dinamizar a economia brasileira, fomentando a geração de emprego, o crescimento econômico e a sustentabilidade ambiental e energética

A publicação foi elaborada a partir de pesquisas realizadas pela CNT e contou com as contribuições das federações, associações e sindicatos associados à Confederação, e está sendo entregue aos candidatos que disputam as eleições à Presidência da República. 

Clique para fazer o download do documento “O Transporte Move o Brasil – Propostas da CNT ao País”

Na ocasião, Germano Rigotto destacou que o material da CNT mostra os caminhos para o desenvolvimento do Brasil: “Uma das amarras do crescimento do país são as deficiências na logística. Isso significa a necessidade de investimentos pesados, públicos e privados, nos nossos aeroportos, portos, rodovias, hidrovias e ferrovias”, disse.

Rigotto frisou que esses investimentos só serão viabilizados se o próximo governo garantir segurança jurídica para o investidor. “Um governo que, quando não tiver condições de fazer todos os investimentos, chame a iniciativa privada, por meio de concessão, parceria público-privada e até privatizações, e crie modelagens que atraiam os investidores. Isso tudo é compromisso da Senadora Simone Tebet”, concluiu.

O coordenador da campanha de Simone Tebet ressaltou, ainda, que a agenda de modernização da infraestrutura, redução de entraves burocráticos aos empresários e qualificação da mão de obra são propostas da CNT que já estão contempladas no Plano de Governo. Nesse sentido, enfatizou a importância do Sistema S para o plano educacional traçado por Tebet caso seja eleita.

Simone Tebet, a exemplo dos demais candidatos mais bem posicionados na última edição da Pesquisa CNT de Opinião, recebeu o convite para apresentar suas propostas para o transporte brasileiro, no evento Diálogo com os Presidenciáveis, promovido pela CNT, mas, em função de compromissos de campanha, não foi possível contar com a sua participação.

Assista à fala de Germano Rigotto durante o encontro.


CNT - Confederação Nacional do Transporte

SAUS Q.1 - Bloco J - Entradas 10 e 20
Ed. Clésio Andrade - CEP: 70070-944 - Brasília - DF
Fale Conosco: (61) 2196 5700

©2021 - Confederação Nacional do Transporte