O volume de serviços prestados pelo setor de transporte cresceu 1,1% em setembro, na comparação com agosto. Apesar disso, o desempenho parcial do ano, entre janeiro e setembro, continua negativo: -8,6%. As perdas do setor geradas pela pandemia ainda não foram completamente recuperadas.

A retomada ocorre em diferentes velocidades, a depender do modal. O transporte aéreo, mais afetado, cresceu 218,9% de maio a setembro, mas está 39,7% abaixo do nível pré-crise. O aquaviário, cuja atividade se manteve relativamente estável ao longo do ano, está 2,8% abaixo da referência pré-crise.

Clique aqui para acessar análise da CNT na íntegra

Já o transporte terrestre cresceu 25,4% de maio a setembro e está 10,8% abaixo do patamar de referência. Embora o segmento rodoviário de cargas tenha retomado o fluxo de veículos de fevereiro, o segmento de passageiros ainda experimenta os efeitos de demanda reduzida.

CNT - Confederação Nacional do Transporte

SAUS Q.1 - Bloco J - Entradas 10 e 20
Ed. Clésio Andrade - CEP: 70070-944 - Brasília - DF
Fale Conosco: (61) 2196 5700

©2021 - Confederação Nacional do Transporte