A CNT (Confederação Nacional do Transporte) trabalhou junto a deputados e senadores para ampliar o valor de investimentos em infraestrutura em todo o território nacional, com destaque para o aporte de recurso em trechos rodoviários, que são estratégicos para a logística do país.

No total, foram apresentados R$ 4,25 bilhões em emendas orçamentárias, tanto de bancada e individuais quanto de comissão, destinando recursos para 15 estados brasileiros.

No Projeto de Lei Orçamentária Anual de 2023 (PLOA 2023), o governo federal previu o orçamento de investimentos para o Ministério de Infraestrutura no valor de R$ 6,05 bilhões de reais. Caso as emendas trabalhadas pela CNT e apresentadas pelos parlamentares sejam aprovadas, no relatório final, esse valor aumentará para R$ 10,3 bilhões de reais o montante disponível para serem investidos no ano de 2023.

A CNT defende a ampliação dos recursos para a infraestrutura de transporte na busca de uma logística mais eficiente e uma redução real do Custo Brasil. Nesse sentido, trabalha para a ampliação dos valores a serem investidos na melhoria das vias e estruturas de transporte do país.

O próximo passo será a aprovação da inclusão das referidas emendas no texto final do PLOA 2023. O parecer do relator-geral, senador Marcelo Castro (MDB/PI), tem previsão de ser publicado no dia 7 de dezembro, com votação prevista para 16 de dezembro na Comissão de Orçamento. Em seguida, será analisada em sessão conjunta. Após a aprovação pelo Congresso Nacional, o texto seguirá para sanção presidencial.

CNT - Confederação Nacional do Transporte

SAUS Q.1 - Bloco J - Entradas 10 e 20
Ed. Clésio Andrade - CEP: 70070-944 - Brasília - DF
Fale Conosco: (61) 2196 5700

©2021 - Confederação Nacional do Transporte